... o porquê do quê ...

Não entendia o meu facínio pelas aventuras de Peter Pan, eu que sempre fui extremamente feminina me encantava com o garoto que não queria crescer. Talvez hoje eu entenda tudo isso, acredito que algo dentro de mim já me avisava que crescer não seria a minha "praia". Não que eu tenha medo ou até mesmo preguiça de crescer, mas sim porque vemos o mundo de uma maneira real. Aprendemos oque eu jamais gostaria de ter aprendido, limitar nossos sonhos, ver que nem tudo é possível, ou melhor, que quase nada é, que felicidade é momentânea. E se descobre que os sonhos quase nunca deixam de ser sonhos ...

E por isso amo minha terra do nunca, onde as lembranças se tornam o meu presente e por alguns instantes posso acreditar que tudo pode acontecer ...

sexta-feira, 28 de janeiro de 2011

Um olhar perdido

Apesar das pessoas esconderem os sentimentos dentro do coração penso que os olhos é a forma mais sincera de ver o que passa ali dentro. Na terra do nunca os olhos são como a alma das pessoas, os personagens são criados pelo seus olhares.
Um dia encontrei o brilho mais lindo nos olhos de alguém , ele olhava pra mim e aquele olhar dizia tantas coisas, infinitos sentimentos em um só olhar. Confesso que aqueles olhos me perseguiram por anos e eles fizeram de mim a mulher mais feliz e realizada do mundo, não existia muitas palavras, mas elas não eram necessárias, o nosso amor era traçado por gestos, olhares e calores.
Um dia estes mesmos olhos me olharam, porém cheio de lágrimas e escutei palavras , isso estragou tudo, palavras não são confiáveis e podem ser facilmente forjadas , aqueles olhos não terminavam comigo eles me diziam: "ainda te amo", mas a boca dizia não quero mais, e meu coração não sabia em quem acreditar, nos olhos que sempre foram sinceros ou nas palavras que quase não existiram .
Fechei os olhos e corri pra terra o nunca tinha que guardar aqueles olhos antes que as palavras consumissem meu ser e eu esquecesse deles , não podia, por que eu acreditava neles ! Guardei aqueles olhares , até mesmo o último que estava cheio de lágrimas e entravam em contradição com as palavras que me diziam adeus.
O tempo foi passando e aquele olhar apesar de distante ainda me desejava , ainda me amava, mas as palavras ia consumindo mais tempo e começaram a fazer parte do meu dia-dia, e para ver aqueles olhos com tanta pureza e amor eu tinha que ir pra terra do nunca , porque no mundo real eles eram tão fracos e tristes que acabavam ofuscando o brilho dos meus olhos também .
Aqueles olhos me fizeram não desistir , eles me chamavam em meus sonhos, em meus desejos, eles me perseguiram por tempos, e confesso que mesmo como lembrança eu os amava , e fechando os olhos eu me emociono, como um olhar pode dizer tanto.
Um dia , um dia qualquer de minhas recaídas no mundo real eu me encontrei com aqueles olhos e não vi mais brilho algum, acabou o brilho, esta foi a maior dor que já senti na minha vida, porque eles não me chamavam mais, eles me desejavam como mulher mas não como amada, sem dúvida o pior dia da minha vida.
A minha maior mágoa não é ter acabado todo aquele sonho. Como já disse os olhos são o espelho do ser, aqueles olhos me mostrava uma pessoa cheia de sentimentos puros e sinceros, uma pessoa um pouco até boba, sabia tão pouco do amor, e era íntegro em suas atitudes, hoje aqueles olhos me mostram sentimentos fracos, desejos fúteis e integridade perdida, isso que dói , ver como pessoas mudam, como olhares se perdem.
A escuridão invadiu aqueles lindos olhos , e para mim era como um buraco negro, e quando fechei os olhos não consegui mais lembrar do brilho que eu guardava com tanto zelo, os olhos são os espelhos da pessoas na minha terra do nunca e se eles morreram aqui acabam morrendo lá, e isso foi inevitável . O que mais me dói não é ter perdido o amor que tanto amei, ou a pessoa que tanto sonhei, mas sim ter perdido o olhar mais puro e doce que já me olhou, e enxergar pela primeira vez aqueles olhos como meros olhos verdes.
Agora sinto como se a terra do nunca estivesse faltando um personagem, falta um olhar para me fazer sonhar novamente, e eu estou tranqüila, não quero encontrar um novo olhar e sim espero que ele me encontre.